Catalogação e Novo Site do Acervo Olho Latino

Acervo Olho Latino: O Museu Olho Latino está na fase final da catalogação do seu Acervo Nacional. Muito em breve novas informações estarão disponíveis sobre o lançamento do novo Site do Acervo Olho Latino! Este projeto é realizado com o apoio do ProAC.
 
Abaixo estão alguns nomes de artistas acompanhados por prévias que apresentam um pouco do que poderá ser conferido neste novo website:
 
 
Aos poucos serão liberadas mais algumas prévias. Fique de olho aqui no Portal!
 
 

Grupo Olho Latino participa de mostra coletiva no Museu Itajaí Martins em Botucatu

 
viver botucatu grupo olho latino
 
Botucatu: O Grupo Olho Latino participa da mostra Vi(ver) Diálogo Gráfico, que expõe obras de mais de 30 artistas convidados, residentes no Estado de São Paulo, de 04 a 30 de outubro no Museu de Arte Contemporânea “Itajaí Martins” em Botucatu, SP.
 
O projeto Vi(ver) Diálogo Gráfico objetiva expandir a apreciação sobre as possibilidades da gravura em suas diversas possibilidades técnicas, numa interface com o desenho e outras manifestações gráficas. A participação do Grupo Olho Latino consiste na instalação “Círculos Ambiciosos”, composta por 36 peças de gravura em linóleo sobre tecido, acondicionadas em círculos de madeira de várias dimensões. As peças, expostas no todo ou parcialmente, caracterizam um trabalho em equipe, sendo que cada integrante participa com a sua criação para dar maior expressão para o conjunto. Para o coordenador do Grupo, Paulo Cheida Sans, “essa é a grande força do Grupo Olho Latino: manter a individualidade de criação de cada integrante com força de equipe para resultar a criação de algo maior”. Complementa: “A soma é importante. Trata-se de compartilhar a visão, o tempo e a materialidade em função do todo”.
 
 

O Grupo Olho Latino representa o setor de arte-educação do Museu Olho Latino, sediado em Atibaia, SP, e mantém atuação intensa, desde a sua primeira mostra realizada na Galeria da Casa da Cultura da América Latina da Universidade de Brasília, em 1996. A partir daí, o grupo já expôs em mais de 80 mostras realizadas em várias cidades, entre elas, São Paulo (SP), Recife (PE), Curitiba (PR), Juiz de Fora (MG), Piracicaba (SP) e também no exterior, como em Lima e Cusco, Peru; La Paz, Bolívia; e Santiago, Chile. O grupo é formado por 9 integrantes do interior do Estado de São Paulo, coordenados pelo casal Celina Carvalho e Paulo Cheida Sans (Campinas, SP). Participam da equipe, além dos coordenadores, os seguintes artistas: Alex Roch (Jundiaí, SP), Cibele Marion Sisti (Jaguariúna, SP), Lisa França (Campinas, SP), Maricel Fermoselli (Campinas, SP), Suely Arnaldo (Sumaré,SP), Walcirlei Siqueira (Americana, SP) e Young Koh (Campinas, SP).

A coordenação do projeto Vi(ver) Diálogo Gráfico é de Hélio Schonmann e Lúcia Neto. A curadoria é de Francisco Maringelli, Hélio Schonmann e Paulo PT Barreto. Participam do projeto os seguintes artistas: Augusto Sampaio, Camilo Thomé, Francisco Maringelli, Gilberto Tomé, Hélio Shonmann, Kika Levy, Lúcia Neto, Márcio Périgo, Paulo Camillo Penna, Paulo P T Barreto, Pedro T. Maluf, Rubi, Salete Munin, Sergio Kon, Grupo Olho Latino, Fábio de Bittencourt, Paula Almozara, Maria Lúcia Panizza, Márcio Pannunzio, Adriano Gambim, Edson Mac, Sérgio Andrejaukas. Lígia Rodrigues, Milton Turcato, Fabíola Nortari, Fabrício Lopez, Márcia Santtos, Carlos Zambon, Fábio Sapede, George Gutlich, Sérgio Silva, Douglas Norris, Johann Gutlich.

A abertura da mostra Vi(ver) Diálogo Gráfico será 04 de outubro, às 11h, onde acontecerá o encontro com os artistas. O MAC “Itajaí Martins” em Botucatu, SP, está localizado no Saguão do Teatro Municipal na Praça Coronel Moura, 27, Paratodos, Botucatu, SP. A entrada é franca.

Vi(ver) Diálogo Gráfico é um projeto realizado com o apoio do Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura - Programa de Ação Cultural de 2013.
 
 
Exposição: Vi(ver) Diálogo Gráfico
Idealização: Hélio Schonmann
Coordenação do projeto: Hélio Schonmann e Lúcia Neto.
Curadoria: Francisco Maringelli, Hélio Schonmann e Paulo PT Barreto.
Expositores: Augusto Sampaio, Camilo Thomé, Francisco Maringelli, Gilberto Tomé, Hélio Shonmann, kika Levy, Lúcia Neto, Márcio Périgo, Paulo Camillo Penna, Paulo P T Barreto, Pedro T. Maluf, Rubi, Salete Munin, Sergio Kon, Grupo Olho Latino (Alex Roch, Celina Carvalho, Cibele Marion Sisti, Lisa França, Maricel Fermoselli, Paulo Cheida Sans, Suely Arnaldo, Walcirlei Siqueira, Young Koh), Fábio de Bittencourt, Paula Almozara, Maria Lúcia Panizza, Márcio Pannunzio, Adriano Gambim, Edson Mac, Sérgio Andrejaukas. Lígia Rodrigues, Milton Turcato, Fabíola Nortari, Fabrício Lopez, Márcia Santtos, Carlos Zambon, Fábio Sapede, George Gutlich, Sérgio Silva, Douglas Norris, Johann Gutlich.
Período da mostra: 04 a 30 de outubro de 2014.
Abertura e encontro com os artistas: 04 de outubro, às 11h.
Local: Museu de Arte Contemporânea “Itajay Martins”.
Visitação: de terça a sexta-feira, das 13h às 19h (e durante os espetáculos no teatro). Entrada gratuita.
Endereço: Saguão do Teatro Municipal - Praça Coronel Moura, 27, Paratodos, Botucatu, SP.
Informações: Fone: (14) 3882- 9004 e 3882-1489.
Realização: Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura - Programa de Ação Cultural de 2013.

 

fonte: Portal Olho Latino

 

Paulo Cheida Sans realiza palestra sobre o processo criativo na PUC-Campinas

 
paulo cheida sans
 
Campinas: O Museu Universitário da PUC-Campinas promove a palestra do Prof. Dr. Paulo Cheida Sans sobre o processo criativo de uma produção artística no dia 24 de setembro. O evento integra a 8ª Semana da Primavera do Instituto Brasileiro de Museus. A palestra visa abordar uma etapa da produção artística do palestrante, que envolve a gravura e a instalação no contexto da arte contemporânea, a fim de facilitar o entendimento sobre as fontes criativas que caracterizaram a criação das obras.

O mote principal da 8ª Semana da Primavera do IBRAM é que se valorize a criatividade para que o museu sempre possa se reinventar. Nesse sentido, o prof. Paulo acredita ser importante que os artistas esclareçam suas criações, sempre que possível, para que o público interessado possa compreender melhor sobre o processo criativo e suas variantes.
 
Paulo Cheida Sans é Doutor em Artes pela Unicamp. É professor da Faculdade de Artes Visuais e extensionista vinculado ao Museu Universitário da PUC-Campinas. Participou de cerca de 500 mostras. Recebeu 41 prêmios em Salões de Artes no Brasil e 3 no exterior (Portugal, Estados Unidos e França). Suas obras figuram em diversos acervos. É autor, entre outros, dos livros Pedagogia do Desenho Infantil e Fundamentos para o Ensino das Artes Plásticas (Alínea).

A palestra acontece no dia 24 de setembro, às 19h20, na sala 900 do Prédio H2 – Campus I – PUC-Campinas.

 

fonte: Portal Olho Latino

 

O principal acervo público do Espírito Santo mostra obras de importantes artistas brasileiros

paulo cheida sans democrata a galope
"Democrata a Galope" - desenho de Paulo Cheida Sans.
 
Vitória: A Galeria de Arte Espaço Universitário (Gaeu) da Universidade Federal do Espírito Santo abre a partir do dia 24 de setembro, às 19 horas, a exposição “O meu, o seu, o nosso desejo". A curadora da exposição, Almerinda Lopes, explica que o objetivo da mostra é apresentar ao público obras que possuem um teor crítico, da repressão até a euforia da redemocratização do Brasil. "Em abril, completou-se 50 anos da implantação do regime militar no País e, tanto a Gaeu quanto a Galeria de Artes e Pesquisa (GAP) da UFES, foram criadas nessa época. A ditadura militar exercia forte controle sobre a produção artística no País”, afirma Almerinda. O título da exposição foi apropriado do álbum de xilogravuras de autoria de Antonio Henrique Amaral, que integra a mostra.

É a segunda exposição que a Galeria Espaço Universitário – GAEU disponibiliza ao público o acesso ao importante legado de objetos artísticos sob sua guarda, promovendo mais uma exposição de parte dessas obras, a partir de viés conceitual e recorte definido pela curadoria. A mostra põe em destaque obras que, ainda que não se pautem por afinidade de linguagens, faturas, temas ou processos, permitem estabelecer aproximações entre os propósitos dos objetos, considerando que, de maneira incisiva ou mais sutil, mantêm imbricados em seus códigos doses de ironia ou um sentido político/crítico.
 
PauloCheida
Paulo Cheida Sans.

Participam da mostra obras dos seguintes artistas: Anna Letycia, Antonio Henrique Amaral, Arlindo Daibert, Attilio Colnago, Augusto Herkenhoff, Carlos Zílio, Carmem Có, Dante Veloni, Darel Valença Lins, Fernando Baril, Hilal Sami Hilal, Katie Van Scherdenberg, Lecko Magri, Luciano Cardoso, Nelma Pezzin, Milton Machado, Paulo Bruscky, Paulo Cheida Sans, Paulo Herkenhoff, Raul Flores, Rogério Luz, Rubem Grilo, Rubens Gerchman e Sazito. Artistas Convidados: Maruzza Valdetaro e Julio Tigre.

A exposição é aberta ao público, tem entrada gratuita e pode ser visitada até 31 de janeiro de 2015, de segunda a sexta-feira, das 08h às 18h. A Galeria de Arte Espaço Universitário / UFES está localizada na Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras – Vitória, ES.
 
ConviteUFES
 
 
Exposição: “O meu, o seu, o nosso desejo".
Período da mostra: 24 de setembro de 2014 a 31 de janeiro de 2015.
Abertura: 24 de setembro, às 19h.
Curadoria: Almerinda Lopes.
Expositores: Anna Letycia, Antonio Henrique Amaral, Arlindo Daibert, Attilio Colnago, Augusto Herkenhoff, Carlos Zílio, Carmem Có, Dante Veloni, Darel Valença Lins, Fernando Baril, Hilal Sami Hilal, Katie Van Scherdenberg, Lecko Magri, Luciano Cardoso, Nelma Pezzin, Milton Machado, Paulo Bruscky, Paulo Cheida Sans, Paulo Herkenhoff, Raul Flores, Rogério Luz, Rubem Grilo, Rubens Gerchman e Sazito. Artistas Convidados: Maruzza Valdetaro e Julio Tigre.
Local: - Galeria de Arte Espaço Universitário / UFES – Universidade Federal do Espírito Santo.
Horário de visitação: segunda a sexta-feira, das 08h às 18h. Entrada gratuita.
Endereço: Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras – Vitória, ES.
Informações: (27) 3335-2371.

 

fonte: Portal Olho Latino